Horas Noturnas

51p+QgJ9l3L._AA160_Livro: Horas Noturnas
Autora: Bianca Carvalho
Editora: EraEclipse
Ano de publicação: 2014
Número de páginas: 273
Média no skoob: 4.5

 

“À sua frente estava um homem. Uma criatura alta, com boa parte do rosto coberta por uma máscara de couro preta, que deixava apenas os lábios à mostra.
Assim que sua tontura foi melhorando, Maryanne percebeu que conhecia sim aquele ser. Fora exatamente ele que estivera na carruagem luxuosa no primeiro dia em que viu seu pai saindo sorrateiramente, na calada da noite. E foi então que ligou os fatos: aquele homem à sua frente era o Caçador, o justiceiro noturno mencionado na notícia do jornal que lera.”

Olá, leitores! 🙂

Esse livro gira em torno de três personagens principais:

  • Joseph Lestrange: um ótimo detetive que trabalha como consultor para a polícia.
  • Maryanne: filha de Joseph. É diferente das outras adolescentes de sua época (1863). Não pensa em casar. Adora ajudar o pai a desvendar os casos e, também, é muito boa nisso.
  • Caçador: um justiceiro mascarado que mata os criminosos antes que a polícia os pegue.

A história começa com Lestrange examinando a cena do assassinato de uma moça conhecida de Maryanne. Por entender que o assassino não parou por aí, ele decide que dessa vez sua filha não deverá ajudar, pois pode ser perigoso para ela.

Maryanne é muito teimosa e não atende ao pedido do pai para que fique afastada.

Joseph saía algumas noites, sem dizer para onde ía. Maryanne resolveu segui-lo e descobriu que ele ia visitar o Caçador. Apesar de não concordar 100% com as atitudes do justiceiro, desde a morte de sua esposa, Joseph resolveu que esse método era mais eficaz do que deixar os bandidos para a polícia.

A jovem fica encantada com o Caçador e com o seu mistério. Assim, se apaixona pela primeira vez. O mesmo acontece com ele, que apesar de achar que não é bom o suficiente para ela, se apaixona por sua inteligência e determinação.

E a história se desenrola com o criminoso matando mais algumas moças, deixando algumas pistas com as vítimas, e os três tentando descobrir quem é o criminoso para impedi-lo de continuar.

Não gostei muito do livro. Achei que a ideia era boa, mas ele se perdeu entre ser uma aventura ou um romance e acabou não atendendo bem a nenhum dos dois. Na minha opinião, se o romance tivesse ficado mais em segundo plano, talvez houvesse mais espaço para a história de detetive brilhar.

Algumas vezes durante a leitura, pensei em parar, mas como queria saber quem era o tal assassino, continuei. As respostas não foram nem tão esperadas nem tão surpreendentes.

Acho que o que mais me incomodou foi a linguagem dele. Para mim, ela foi simples demais, com umas frases vazias e meio clichês que não deixavam espaço para eu pensar.

Para comprar o livro, clique aqui: Amazon

Por enquanto, fico por aqui.
Se já leu o livro, me conta o que achou.
Escreva seus comentários e sugestões para os próximos posts. 😉
Até semana que vem!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s